Narradores Paralelas e Jovens Narradores




O Som do Algodão (Portugal)

HISTÓRIAS À SOLTA DE UMA CIDADE REVOLTA

O Som do Algodão é um projeto artístico e educativo que une narração oral e música para miúdos e graúdos com Mariana Santos e Dulce Moreira. 
A apresentação Histórias à solta de uma cidade revolta consiste em Contos e canções que prometem envolver todos os públicos, resgatando o Porto perdido entre lendas e estórias.
Facebook do O Som do Algodão


Rui Ramos, o Baú do Contador (Portugal)

Sou geólogo, contador de histórias, autor de banda desenhada, ilustrador e escritor de contos e formador.
Apresentará contos de todos os cantos do mundo e até de todos os cantos da imaginação, pois o improviso de contos recorrendo a cartas e dados de storytelling é uma das minhas paixões e especialidades.


Adriano Reis (Cabo Verde) e André Moita (Portugal)

Recorrem a instrumentos musicais (Guitarra e o Tambor), língua, as tradições, os costumes e a vivência dos povos como elementos pedagógicos de educação intercultural.
Projecto Conta-me Stória" cujo o objectivo é promover a interculturalidade através dos contos Africanos e Portugueses.


Cláudia Sousa- (Portugal)

Formada pela Escola Superior de Educação de Coimbra, Cláudia Sousa (Viseu, 1975) tem uma larga experiência em actividades de animação para diferentes públicos, no âmbito da leitura e narração oral, expressão plástica, ilusionismo, entre outras. 

Entre 2003 e 2006, foi responsável pelo Serviço Educativo da Biblioteca Municipal Aquilino Ribeiro, em Vila Nova de Paiva, e dinamizou a Biblioteca Móvel Itinerante EMA (Espaço Móvel de Animação). Ainda em Vila Nova de Paiva, desenvolveu actividades de animação no Auditório Municipal Carlos Paredes e colaborou na organização do I e do II Encontro Nacional de Serviço Educativo “Diferentes Leituras”. Traz para o Um Porto de Contos o projecto: Mala de leitura com selecção de livros, autores e ilustradores que contam África.



Camila Barbosa (Brasil)

Após breve aquecimento do corpo e dos corações da plateia, irei contar duas histórias: “Como surgiram as histórias” conto tradicional de raízes africanas mas com elementos do mundo inteiro e “Grão de Milho” Conto tradicional de origem Ibérica.


Tâmara Bezerra (Brasil)

Educadora, especialista em Arte-Educação. Escritora e Narradora, Natural do Ceará – Brasil.
Vem construindo uma longa trajetória na poética de contar contos, iniciada quando professora de crianças na década de 90. Após narrar para crianças em sala de aula, passou a construir as singularidades dessa caminhada fazendo cursos, estudando e pesquisando sobre o assunto. Atualmente participa do grupo de estudos e pesquisa em narrativas, Costureiras de Histórias, fundado em 20111, com significativo trabalho e apresentações de sessões de contos em diversos equipamentos culturais do estado e país, incluindo participação em encontros e simpósios de contadores de histórias. Com livros infantis publicados, além de outras publicações e produção conceitual na área de ludicidade e mediação de leitura. Ministra as disciplinas de Literatura Infantil e Contação de Histórias nos Cursos de Especialização em Arte Educação da Faculdade 7 de Setembro. Periodicamente faz palestras e ministra cursos nas área de Mediação de Leitura, Literatura infantil e Contação de histórias, em eventos e instituições de ensino. A base do trabalho tem forte influencia dos contos de tradição, principalmente nas narrativas orais de origem africana e as ligadas ao sertão cearense.

A narradora entra com uma cantiga de anunciação para preparar o coração dos ouvintes. Narra dois contos de origem, o primeiro da cultura africana e o segundo da afro-brasileira:
1 - As duas mulheres e o Céu
2 - A criação do mundo.

Facebook de Tâmara Bezerra


Rosário Ribeiro (Portugal)

Rosário Ribeiro natural de Águas Santas Maia. O gosto por contar histórias despertou a partir
do momento em que começou a participar em eventos familiares no infantário dos seus filhos.
A vontade de partilhar sentimentos com o outro através das histórias foi criando raízes e
crescendo, levando-a a participar no curso “Entre Contos & Encantos”, da Escola de Narração
Oral Itinerante, em 2013.Daqui para a frente será um dia de cada vez, tentando semear aqui e
ali a magia da narração, com muito amor e emoção.
Facebook Rosário Ribeiro 


Cândida da luz (Alemanha/Portugal)

Cândida da Luz nasceu na cidade de Calw, situada na orla da Floresta Negra, na Alemanha. Desde pequena, cultivou o gosto pelo conto ao ouvir os seus pais, durante a hora da refeição, a contar estórias com muita imaginação. No curso “ Entre Contos & Encantos”, organizado pela Escola de Narração Oral Itinerante, encontrou um caminho de crescimento e de descoberta da arte que habita no seu coração. Vive em Vila Nova de Gaia, onde continua a cultivar o prazer de contar e de povoar o imaginário de todos aqueles que tem vontade de abraçar o mar da invenção e da emoção.Brevemente informação.
Facebook de Cândida da Luz


Gusta Santos (Portugal)

Augusta Santos natural da singela terra de Rio de Moinhos, Penafiel. Uma paixão descoberta recentemente por acaso a partir do momento que ouviu a Clara Haddad num programa de radio, esta iniciada no mundo dos contadores de histórias frequentou o curso “Entre Contos & Encantos”, organizado pela Escola de Narração Oral Itinerante, e aí percebeu o quão maravilhoso este mundo de faz-de-conta é. Agora descobriu que queria fazer parte dele pela magia, pelas crianças e pela criança dentro dela própria.
Facebook de Gusta Santos


Cininha Cardoso( Angola)

Histórias da Mãe –África

JOVENS NARRADORES


Alunos da professora Ana Cruz de Vila Nova de Poiares (Portugal)

Bárbara Relvas Carvalho

Matilde Silva

Francisco Figueiredo

João Canais

Micaela Santos


"de porto em porto... navegam histórias"


Encontro Internacional de Narração Oral - Um Porto de Contos 2015

Sem comentários:

Enviar um comentário