Narradores Internacionais e Novos Talentos

                 Narradores Internacionais




Boniface o Fogo 
República dos Camarões

Boniface nasceu em Bogondo ,uma aldeia do interior da República dos Camarões, lugar onde a tradição oral era a única forma de transmissão de conhecimento. 
Chegou a Espanha em 1988 e desde 1992 trabalha como contador de hisrias, actividade que tem desenvolvido por todo o mundo, em escolas, bibliotecas, festivais e ONGs, a partir de fábulas, lendas, mitos e tradições da África Negra. 

Apesar do percurso académico que fez em Espanha, a cultura oral, na qual foi educado, continua a ser a pedra de toque do seu trabalho. Conta em francês e espanhol. Em 2005 renunciou definitivamente à sua actividade de Mediador Intercultural para se dedicar exclusivamente ao mundo dos contos.
Produziu dois documentários sobre a tradição oral em seu país e ganhou imeros prémios como narrador em rios festivais, sobretudo na Colômbia.




Ângelo Torres
Guiné
Actor e contador do mundo. Nascido na Gui Equatorial, Ângelo descobre a tradição oral em S.Tomé, quando, ainda criança, acompanha a família no regresso do exílio, após o 25 de Abril
Completa a sua infância a ouvir hisrias da sua avó, estuda em Cuba, estabelece-se em Portugal
Em 1994 , desafiado por Annio Fontinha, começa a "contar uns contos". ..foi o acordar de uma vocação...

Como actor integrou os filmes: “Tudo isto é Fado”, “Nha Fala” e “Preto e Branco”. Fez parte do elenco das peças: “A Varanda de Frangipani”; Mar Me Quer”; “Sorrisos de Bergman”. 
Em 2004 ganhou o prémio Shooting Star de actor revelação.

Facebook de Ângelo Torres



HammuTopia 
Marrocos
Narrador oral há mais de 18 anos. se apresentou em rios países tais como Espanha, Brasil, Alemanha, Cuba, Brasil, Marrocos.
Resgata e recupera antigas hisrias convertidas em um oasís de emoções. Narra em espanhol, francês e árabe.
Tem publicados livros: Cuentos y relatos de Andalucía y Marruecos,Hisrias das terras daqui e de lá: amor( em parceria com Lúcia Fidalgo) e Sherezades” (Cuentos de mujeres beréberes).

Facebook de HammuTopia




Corália Rodrígues
Cuba

Coralia Rodríguez, actriz e narradora cubana com larga experiência internacional, formou-se em teatro, em Cuba, tendo também frequentado os cursos de narração oral do Grande Teatro de Havana. 
Assumindo vários pais principais em mais de quinze peças de teatro.

mais de 30 anos que Coralia Rodríguez corre o mundo (Cuba, México, Brasil, Venezuela, Canadá, Espanha, Suíça, França, Áustria, Alemanha, Bélgica, Ilha da Reunião, Burkina Faso, Egipto e Tunísia) como embaixadora do teatro e da arte cénica de contar contos, defendendo os valores da palavra viva com o seu trabalho bilingue (em espanhol e em francês),  partilhando  workshops
conferências  sobre  a oralidade  e  a  afrocubania,  a  solo  oacompanhada de Paco Chambi, excelente guitarrista peruanoGraças à sua qualidade artística, tem recebido importantes prémios latino-americanosA viver em Genebra há já alguns anos, é fundadora e criadora do Festival ContArte, em Cuba, e actualmente directora do Festival Afropalabra.


Kalane Indakotxea 
Perú

Narradora oral e poeta. Difusora das culturas indígena amazónica e peruana. Combina a sua experiência de vida na Amazónia com a cosmovisão, mitos e contos indígenas. 

Nas suas apresentações combina o estilo narrativo dos povos indígenas, a magia dos rituais com os adereços como: colares, coroas, plumas e sons amazónicos. Participou de diversos eventos nacionais e internacionais, tanto no Pe como no Chile, Guatemala, Argentina, Cuba e Colômbia.

A associação inter-étnica de estudantes da amazónia peruana lhe ofereceu o grau de AIMBO-ONANYA em reconhecimento ao seu trabalho de investigão e difusão da narração oral dos povos indígenas amazónicos peruanos.
Pela primeira vez em Portugal ela promete encantar.

Descobre mais coisas sobre esta narradora AQUI»»




Soledad Felloza 
Uruguai

Soledad Felloza nasceu no Uruguai. E poderíamos dizer que é um furacão...mulher de palavras poderosas e sedutoras... que possui um sorriso largo e muita energia em sua arte... É simplesmente encantadora. 

Com mais de 25 anos de carreira tem realizado oficinas, espectáculos de teatro e de narração em escolas, teatros e festivais no Uruguai, Argentina, Chile, Bolívia, Venezuela, Cuba, Argélia, Peru, França, Itália, Portugal, Holanda É actriz, dramaturga, narradora e fotógrafa. Ao longo da carreira tem trabalhado em diversos meios de comunicação como dio e em diversos programas de televisão. É colunista em diversas publicações literárias e também directora do Festival Atlántica, um encontro de narradores que acontece todos os anos em Santiago de Compostela.




Novos Talentos


Mariana Machado Portugal
Mariana Machado gostava de ser criança para sempre! Porém como tempo às vezes é cruel e não deixa de passar, ela foi crescendo, crescendo, e tornou-se numa Mariana Grande, a querer ser pequenina e com um mundo muito próprio. Chegou a um momento da sua vida que resolveu fazer um pacto com o tempo, para poder viver feliz: SER CONTADORA DE HISTÓRIAS, já que na vida real teria que ser adulta e viver em conformidade… 

O tempo aceitou e ainda lhe trouxe pessoas maravilhosas nesta sua nova etapa!  E assim Mariana começou a contar histórias: as que lhe pediam, as que escolhia, e agora começa a sentir que são as histórias que lhe pedem a ela para serem contadas! Com sessões e projetos de narração para todas as idades, concentra a sua energia na narração como ponto de partida para comunicação entre a família e o despertar da consciência emocional através das histórias! Tudo o que faz é de pessoas, sobre pessoas e para pessoas, e assim está de alma e coração neste projeto com imenso potencial que escolheu a cidade do Porto como “Ponto de Encontro” entre pessoas e culturas! 

Obrigada Clara Haddad por me teres convidado a participar neste lindíssimo projeto, que com tua luz e vontade tem tudo para dar certo!




Adelina MonteiroPortugal 

Natural de Santo Tirso, Adelina Monteiro (1981) iniciou, há dois anos, o seu percurso enquanto contadora de histórias, participando em diferentes cursos e oficinas promovidos pela Escola de Narração Oral Itinerante, bem como em formações levadas a cabo por outras entidades. 

Dinamizou já, no papel de contadora, algumas sessões destinadas a crianças e a adultos, pelo que cresce, a cada experiência, o seu fascínio pelas histórias e pela arte de contar. 
Contactos: adelinamonteiro1@gmail.com




Vânia Abreu
Portugal

Natural de Braga, Vânia Abreu (1974) viu, há cinco anos atrás, a semente dos contos começar a nascer no seu coração, mas há cerca de dois anos, ao frequentar um dos cursos Escola de Narração Oral Itinerante de Clara Haddad descobriu que esta semente se havia transformado em flor. 

Continuou a alimentar esta flor com a frequência de várias outras formações na área da narração de histórias e através das inúmeras sessões de contos. Agora, apenas deseja fazer crescer esta flor e transformá-la em árvore, numa árvore repleta de belos contos, partilhados pelo coração.

Facebook de Vânia Abreu


"de porto em porto... navegam histórias"


Encontro Internacional de Narração Oral - Um Porto de Contos 2015

Sem comentários:

Enviar um comentário